BATALHA, FÁTIMA E COIMBRA

Quando saímos de Alcobaça, seguimos até a cidade de Batalha, que tem seu nome em homenagem à batalha de Aljubarrota, no século XIV, que garantiu a soberania portuguesa sobre os invasores espanhóis da época.

Abadia de Santa Maria da Vitória

A visita a Batalha se justifica pela visita à abadia de Santa Maria da Vitória, considerada uma obra prima da arquitetura gótica portuguesa.

Arquitetura gótica

Depois de Batalha, seguimos para Fátima, o maior centro de peregrinação de católicos em Portugal. Nos dias 12 e 13 de maio, uma multidão de peregrinos, do mundo inteiro vem a Fátima para comemorar a aparição da Virgem Maria aos Três Pastorinhos em 1917.

Santuário de Fátima

O Santuário de Fátima é gigantesco e suporta milhares de visitantes todos os dias. Demonstrações da fé católica estão presentes a todo momento.

Saímos de Fátima e seguimos viagem até Coimbra, que seria o local de dormida após um dia puxado de viagem.

Vista panorâmica de Coimbra

Coimbra já foi sede do governo português, mas se tornou mundialmente famosa por possuir a mais antiga universidade de Portugal e uma das mais ilustres do mundo. A Universidade de Coimbra foi fundada em 1290 por D. Dinis, possui diversos cursos, porém o de direito é o mais famoso.

Pátio das Escolas na Universidade de Coimbra

A Universidade funciona no antigo Palácio de D. Afonso desde o século XVI. Um dos destaques da Universidade é a Biblioteca Joanina, construída no século XVIII e que possui mais de 300 mil livros.

Biblioteca Joanina - O nome se deve ao seu benfeitor João V

A cidade fica às margens do Rio Mondego e possui colinas que caracterizam uma Cidade Alta e uma Cidade Baixa, como Lisboa e Salvador. No alto fica a parte histórica com a Universidade, as catedrais e o museu.

Porta Férrea - dá acesso ao Pátio das Escolas.

Na cidade, os monumentos e a arquitetura antiga contrasta com a grande quantidade de Jovens nas ruas, em função da Universidade.

Porta de entrada da Biblioteca Joanina

Maravilhoso órgão barroco da Capela de São Miguel na Universidade de Coimbra

Nesse dia assistimos, num restaurante charmoso, com estudantes brasileiras como garçonetes, ao fantástico jogo Portugal 1×0 Holanda, com 4 expulsões  e uma vitória na garra do time de Portugal. Dois heróis brasileiros no jogo (Felipão e Deco). Após o jogo Coimbra e Portugal inteira entraram em festa e êxtase. Foi o jogo da Copa de 2006.

Petiscos de rã para comemorar a vitória de Portugal

Anúncios

Sobre joaquimnery

Joaquim Nery Filho é geógrafo, agente de viagens e empresário do showbusiness. Apaixonado por viagens e fotografia.
Esse post foi publicado em Portugal e marcado , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

3 respostas para BATALHA, FÁTIMA E COIMBRA

  1. joaquimnery disse:

    Olá Vivi. Adorei você prestigiando o meu blog

  2. Eii Quinho,

    Não vou mentir, queria ter visto mais fotos de Fátima, apesar de que, tenho milhares. Como sou devota dela, foi o lugar que me tocou mto….

    Mas está sendo um prazer saber a parte de Portugal que não consegui conhecer!

    P.S: Belas fotos!

    beijosss

  3. Quinho,
    Quando fui a Batalha fiquei encantada com a abadia de Santa Maria da Vitória, com a riqueza da sua fachada e quando entramos nos sentimos pequenos porém abaçados. Momento mágico! Já em Óbidos a sensação é de ter voltado no tempo ou estar num filme de época. Coimbra eu não conheci. Eu amei Portugal!!! Beijinhos pra Moniquinha e Joaquinzinho.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s