CHAMBORD, O MAIOR CASTELO DO VALE DO LOIRE

O Castelo/Palácio de Chambord impressiona desde a chegada. Fica localizado numa área ampla, cercado por grandes jardins e canais, no meio de florestas temperadas. Uma localização estratégica para o seu objetivo final: Ser um Castelo de Caça.

O maravilhoso Palácio de Chambord

O maravilhoso Palácio de Chambord

É o maior de todos os Palácios de Vale do Loire. Bonito e imponente. Foi construído para servir como Castelo de Caça para o Rei Francisco I. Aquele mesmo que viveu no Palácio de Amboise e que teve Leonardo da Vinci como seu conselheiro.

O Castelo de Caça de Francisco I

O Castelo de Caça de Francisco I

A construção do Castelo de Chambord data do início do século XVI (1519 a 1547). Existe uma corrente de historiadores que acredita ter sido Leonardo da Vinci o responsável pelo desenho original do Palácio de Chambord e atribuem a ele o planejamento da escadaria em dupla-hélice no centro do Palácio. Quem sobe ou desce por caminhos diferentes na escadaria, apenas se encontra em cada piso.

A escadaria em dupla-hélice atribuída a Leonardo da Vinci

A escadaria em dupla-hélice atribuída a Leonardo da Vinci

Como foi construído para servir de apoio às caças do Rei Francisco I, O palácio de Chambord foi pouco habitado. O próprio Francisco I foi aí poucas vezes, estima-se que passou em Chambord, pouco mais de sete semanas, incluindo as curtas temporadas de caça. Esse foi o motivo pelo qual Chambord nunca foi totalmente mobiliado.

Os salões do Palácio de Chambord são pouco mobiliados.

Os salões do Palácio de Chambord são pouco mobiliados.

As idas de Francisco I para Chambord eram grandes acontecimento. Iam para lá, cerca de 2 mil pessoas, que ficavam hospedadas no Castelo. Os móveis eram transportados em caravanas e depois voltavam para os seus lugares de origem, numa operação de logística gigantesca. Essas caravanas de mobiliário, fez surgir tipos de móveis que poderiam ser armados e desarmados rapidamente, talvez tenham sido fonte de inspiração para móveis modernos e práticos.

A decoração do Palácio sempre lembra a caça.

A decoração do Palácio sempre lembra a caça.

Após a morte de Francisco I em 1547, o Castelo de Chambord ficou abandonado e quase vira ruína. A sua recuperação começou a acontecer a partir de 1639, com Luís XIII e continuou com Luís XIV, que também utilizou Chambord como Castelo de Caça.

O Palácio de Chambord

O Palácio de Chambord

Outros moradores famosos do Palácio de Chambord foram: Stanislas Leszczynski, Rei deposto da Polônia e sogro de Luís XV e o Marechal Maurice de Saxe, que defendeu Luís XV e instalou em Chambord o seu regimento.

A salamandra, símbolo maior de Francisco I, o verdadeiro Senhor do Castelo.

A salamandra, símbolo maior de Francisco I, o verdadeiro Senhor do Castelo.

Com a Revolução Francesa o Palácio foi depredado, os móveis foram vendidos a preço de madeira ou queimados nas lareiras. A história de Chambord sempre oscilou entre a glória e o abandono. Somente depois da Segunda Guerra Mundial ele foi restaurado e hoje é uma das principais atrações turísticas da França.

O Castelo Chambord - símbolo de riqueza e poder no Vale do Loire.

O espelho do Castelo Chambord

Anúncios

Sobre joaquimnery

Joaquim Nery Filho é geógrafo, agente de viagens e empresário do showbusiness. Apaixonado por viagens e fotografia.
Esse post foi publicado em França e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

3 respostas para CHAMBORD, O MAIOR CASTELO DO VALE DO LOIRE

  1. Anônimo disse:

    simplesmente lindo

  2. yandra disse:

    bonito

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s