ENTRANDO NA PROVENÇA PELA GARGANTA DO ARDÈCHE

Saímos de Beaune para Avignon na Provença. Foram mais de 400 km de uma excelente estrada, porém cansativa. Decidimos seguir direto, pois o tempo estava muito ruim. Frio, neblina e chuva na maior parte do caminho.

O Castelo de Vogue no caminho da Provença.

O Castelo de Vogue no caminho da Provença.

A Provença é uma das regiões mais procuradas pelos turistas que viajam pelo interior da França. A região fica no sul do país, delimitada pelos Alpes e pela Itália a leste, pelo Rio Ródano a oeste e pelo Mar Mediterrâneo a sul. As atrações são muitas: A Cordilheira dos Alpes, As gargantas do Rio Ródano e seus afluentes e a Côte d’Azur no Mediterrâneo.

A Garganta do Verdum na Provença

A Garganta do Verdum na Provença

Os campos de lavandas de Aix-en-Provence, as cidades históricas como Avignon e Arles e a influência romana completam as atrações da Provença.

Os campos de lavanda da Provenca.

Os campos de lavanda da Provenca.

Somente na etapa final da estrada fizemos um desvio no caminho, para conhecer o Vale do Rio Ardèche, afluente do Rio Ródano. O desvio valeu a pena, apesar da temperatura que caiu bastante. Em plena primavera, final de abril, alcançamos 1 grau centígrado na subida para a garganta do Ardèche, um desfiladeiro profundo, com cerca de 30 km de extensão.

As encostas do Vale do Ardèche

As encostas do Vale do Ardèche

Infelizmente, como o tempo estava ruim e com neblina, não tivemos muitas chances para fotografias, porém chegamos ao ponto alto da estrada, a Pont D’Arc, onde conseguimos fazer alguns “cliques”.

A Pont D'Arc no Rio Ardèche.

A Pont D’Arc no Rio Ardèche.

A Pont D’Arc é uma incrível formação, onde o Rio Ardèche escava um buraco e passa por baixo da rocha, formando uma ponte natural. Na região existem muitas opções para camping e turismo ao ar livre, com aluguel de caiaques e canoas.

A região possui um turismo de verão intenso.

A região possui um turismo de verão intenso.

Chegamos a Avignon no final da tarde. Ficamos hospedados no bom Hotel De L’Horloge, numa localização excelente, dentro da cidade murada e a alguns metros do Palácio dos Papas de Avignon.

Vista aérea da cidade de Avignon.

Vista aérea da cidade de Avignon.

À noite fomos jantar no Restaurante La Mirande, considerado como um dos melhores da cidade. Sofisticado, localizado num prédio histórico. Um antigo banho público romano e mais tarde morada dos bispos de Avignon. Hoje um bom restaurante, mas o preço é maior do que a qualidade do menu.

O Palácio dos Papas.

O Palácio dos Papas.

Anúncios

Sobre joaquimnery

Joaquim Nery Filho é geógrafo, agente de viagens e empresário do showbusiness. Apaixonado por viagens e fotografia.
Esse post foi publicado em França e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s