CANAL RIDEAU – A JÓIA DE OTTAWA

21 de maio de 2014

As primeiras comportas do Canal Rideau, um dos símbolos de Ottawa, fica ao lado do hotel em que estávamos hospedados, o Fairmont Chateau Laurier. Começamos o dia por aí, pois percebemos que algumas pessoas estavam trabalhando com movimentação de água nas comportas e aproveitamos para ver o funcionamento.

As eclusas do Canal Rideau.

As eclusas do Canal Rideau.

O Canal Rideau foi construído entre 1826 e 1831 e o objetivo foi criar um elo de ligação entre Montreal e a cidade de Kingston, passando por Ottawa, prevendo uma eventual proteção da região, na hipótese de uma guerra contra os Estados Unidos.

O complexo sistema de engenharia permite que os barcos passem por diferentes níveis ao longo do rio.

O complexo sistema de engenharia permite que os barcos passem por diferentes níveis ao longo do rio.

O canal que possui cerca de 200 km de extensão tinha função de defesa e de transportes de pessoas e produtos. Hoje se tornou um Patrimônio Mundial da UNESCO e é utilizado basicamente para o turismo.

O sistema de abertura das comportas ainda é manual.

O sistema de abertura das comportas ainda é manual.

Para viabilizar o canal foi necessário implantar um sistema complexo de eclusas e comportas, pois os níveis das águas envolvendo o Rio Ottawa e o Lago Ontário (onde fica a cidade de Kingston) são bastante diferentes. No total foram construídas 49 eclusas em toda a extensão do canal.

O desnível das águas justificaram a construção do sistema de eclusas.

O desnível das águas justificaram a construção do sistema de eclusas.

As comportas são acionadas por força humana. Tivemos o privilégio de assistir à passagem de um barco pelas comportas.

Uma lancha passando por uma das comportas do Canal Rideau

Uma lancha passando por uma das comportas do Canal Rideau

Decidimos fazer um passeio de barco por parte do Canal Rideau. Nas margens do Canal existe uma área linda, totalmente arborizada, com trilhas para caminhada e para ciclistas. Toda a área é muito usada pelos moradores de Ottawa.

O passeio de barco pelo Canal Rideau é imperdível.

O passeio de barco pelo Canal Rideau é imperdível.

No inverno (de dezembro a março) as águas do Canal congelam e o gelo chega a sete metros de espessura, transformando o Canal numa grande pista para patinação, considerada a maior do mundo, com 7,8 km de gelo. Nesse período também são demarcadas várias quadras de hóquei sobre patins no leito congelado do Canal, daí a profunda identidade entre Ottawa e o hóquei.

O Canal Rideau vira um bloco de gelo no inverno.

O Canal Rideau vira um bloco de gelo no inverno.

A construção do Canal ficou a cargo do oficial britânico John By. Em Ottawa, ao lado do canal existe a primeira grande casa de pedra construída na cidade, por John By, para sediar as obras de construção do Canal. Hoje, nesse local funcional o Museu Bytown que conta a história da cidade e do Canal.

O Museu Bytown

O Museu Bytown

Bytown foi o primeiro nome da cidade, que somente passou a se chamar Ottawa em 1855, quando adquiriu o status de capital do país.

Plátanos e cerejeiras nas margens do Canal Rideau.

Plátanos e cerejeiras nas margens do Canal Rideau.

Deixamos o Canal Rideau e fomos até os prédios do Parlamento canadense. São vários prédios construídos em arenito, com telhado de cobre verde e em estilo neogótico, no século XVIII e que dão a Ottawa um ar de superioridade necessária a uma capital federal.

O prédio do Parlamento canadense de Ottawa.

O prédio do Parlamento canadense de Ottawa.

Na frente do prédio do Parlamento havia uma multidão fazendo alongamentos sobre o gramado, comandados por um sistema de som, com alguns rituais de yoga.

A multidão em frente ao prédio do parlamento de Ottawa.

A multidão em frente ao prédio do parlamento de Ottawa.

O canadense que vive reprimido pelo inverno rigoroso, espera o sol sair para ficar a maior parte do tempo possível exposto ao sol e em áreas abertas.

O canadense aproveita a primavera nos parques.

O canadense aproveita a primavera nos parques.

Almoçamos num restaurante ao lado do Canal Rideau e à tarde seguimos “batendo pernas” pela cidade.

O Canal Rideau.

O Canal Rideau.

Anúncios

Sobre joaquimnery

Joaquim Nery Filho é geógrafo, agente de viagens e empresário do showbusiness. Apaixonado por viagens e fotografia.
Esse post foi publicado em Canadá e marcado , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s