A ENCANTADORA LUCERNA, NO CORAÇÃO DA SUÍÇA

11/01/1992

Saímos do hotel para um tour opcional que começou com uma visita panorâmica a Zurique onde vimos o Rio Limmat, o principal vetor da cidade. Zurique é o centro econômico da Suíça, onde estão concentrados os maiores bancos e as principais empresas de seguro. É um misto de cidade histórica (medieval, sobretudo nas margens do Rio Limmat), com um centro moderno onde pulsa o coração financeiro do país. Esta riqueza está estampada nas vitrines das lojas.

O  Rio Limmat em Zurique

O Rio Limmat em Zurique

A Suíça é um país pequeno, com pouco mais de 6 milhões de habitantes, que vive, sobretudo do mercado financeiro, de indústrias químicas e outras que fabricam produtos de precisão e qualidade. Possui também uma agropecuária tradicional, com destaque para o gado bovino leiteiro.

A intimidade da Suíça com a neve.

A intimidade da Suíça com a neve.

Fomos até o centro da cidade onde vimos as lojas e de lá seguimos para Lucerna. O passeio para Lucerna foi fantástico, com belas paisagens na zona rural da Suíça.

A charmosa cidade de Lucerna

A charmosa cidade de Lucerna

Chegamos a Lucerna nas margens do Lago dos Quatro Cantões (Vierwaldstättersee) e encravada nas montanhas dos Alpes Suíços. A região possui algumas das mais belas paisagens do país. Lagos cristalinos cercados por altas montanhas com picos nevados.

Encantos de Lucerna

Encantos de Lucerna

Paramos para ver o Leão de Lucerna, uma escultura impressionante feita na rocha calcária, no início do século XIX, por Bertel Thorwaldsen, a mando de Napoleão Bonaparte, para homenagear os mercenários suíços que foram mortos em Paris, na defesa da monarquia de Luís XVI. O Leão é o símbolo da Suíça e aparece morto em cima de um escudo representando a monarquia francesa.

O maravilhoso Leão de Lucerna

O maravilhoso Leão de Lucerna

Subimos até uma estação de esqui no alto das montanhas, de lá pegamos um teleférico para concluir o percurso. A paisagem é encantadora, a neve cobre as coníferas e os telhados das casas. Existiam uma série de instrutores trabalhando com crianças.

A paisagem encantadora das montanhas nevadas.

A paisagem encantadora das montanhas nevadas.

Almoçamos com todo o grupo num restaurante no pico da montanha. O cardápio era bem suíço: vinho, fondue de queijo, salsichas com batatas e torta de pêssego. Depois do almoço fomos brincar na neve e tirar fotos da paisagem encantadora.

Fondue de queijo nas montanhas.

Fondue de queijo nas montanhas.

Voltamos para Lucerna e passeamos pela cidade onde fotografamos os cisnes que circulam livremente no Lago. Atravessamos a Kapellbrücke, uma ponte de madeira da Idade Média, construída em 1333, com pinturas e afrescos, que é uma das principais atrações da cidade.

A ponte de madeira medieval de Lucerna

A ponte de madeira medieval de Lucerna

Voltamos para Zurique e saímos com as brasileiras para passear nas ruas onde ficam os principais bares e restaurantes da cidade. Amanhã continua a maratona. Seguimos para Innsbruck.

Cisnes no lago de Zurique.

Cisnes no lago de Zurique.

Anúncios

Sobre joaquimnery

Joaquim Nery Filho é geógrafo, agente de viagens e empresário do showbusiness. Apaixonado por viagens e fotografia.
Esse post foi publicado em Suíça e marcado , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s