TROPEA, A “CAPITAL” DA COSTA DOS DEUSES

07/10/2014

Chegamos à Calábria, um território isolado e selvagem localizado no extremo sul da “bota” italiana. A Calábria, assim como a Sicília fez parte da Magna Grécia, foi ocupada por diversos povos. Romanos, árabes, bizantinos e normandos. Todos eles deixaram vestígios arquitetônicos e culturais fortes.

O destino era Tropea.

O destino era Tropea.

Comandada por Nápoles durante séculos a Calábria se tornou um território marginalizado, que estimulou o crescimento de uma das mais agressivas das máfias italiana, a Máfia Calabresa, que rivaliza coma Máfia Siciliana.

A lambreta é um dos símbolos da Itália.

A lambreta é um dos símbolos da Itália.

O território montanhoso, na ponta do pé da “bota” italiana, entre o Mar Tirreno e o Mar Jônico é esparsamente povoado e possui muitas áreas inexploradas. A população ainda tem uma forte relação com o campo onde se produz azeitonas e uvas para a fabricação dos bons vinhos locais. Destaca-se também a produção de pimentas, a famosa “pimenta calabresa” e cebolas.

A pimenta calabresa.

A pimenta calabresa.

Hoje o governo italiano está construindo boas rodovias pedagiadas, com uma enorme quantidade de túneis e viadutos, ligando a Calábria à Basilicata (o peito do pé da “bota” italiana) e daí se chega às áreas centrais da Itália.

A costa da Calábria tem belas praias.

A costa da Calábria tem belas praias.

Seguimos direto para Tropea, uma das mais charmosas cidades da costa do Mar Tirreno, na Calábria, localizada numa área conhecida como “Costa dos Deuses”. A cidade tem uma situação geográfica especial, fica no alto de uma colina, com enormes falésias que mergulham na beira da praia, sobre as quais Tropea foi construída.

As falésias de Tropea.

As falésias de Tropea.

O mar é de uma transparência e um azul cristalino que impressiona. As águas relativamente mornas permitem um excelente banho, mesmo no outono.

A transparência do mar de Tropea.

A transparência do mar de Tropea.

Ficamos hospedados no Hotel Tirreno, um bom hotel, porém um pouco fora do centro histórico. Ficamos passeando pela cidade até anoitecer.

O entardecer na costa da Calábria.

O entardecer na costa da Calábria.

O por-do-sol de Tropea é maravilhoso e o que mais impressionou foi o fato de que apenas com a descida do sol, conseguimos avistar o cone do vulcão Stromboli no horizonte, criando uma moldura para esse momento especial.

O por do sol de Tropea.

O por do sol de Tropea.

Existem passeios turísticos que levam visitantes para o Stromboli. É uma pequena ilha ao norte da Sicília, que faz parte das Ilhas Eólias no Mar Tirreno. O Stromboli é o mais ativo dos vulcões europeus. Suas erupções são quase contínuas e do continente dá para ver as fagulhas que saem do vulcão.

O vulcão Stromboli na costa da Sicília.

O vulcão Stromboli na costa da Sicília.

O nome Tropea se refere a um tipo de cebola vermelha comum na região. No centro histórico de Tropea existem muitas cantinas italianas e outros tipos de restaurantes. Jantamos por aí.

A cebola Tropea.

A cebola Tropea.

Anúncios

Sobre joaquimnery

Joaquim Nery Filho é geógrafo, agente de viagens e empresário do showbusiness. Apaixonado por viagens e fotografia.
Esse post foi publicado em Itália e marcado , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para TROPEA, A “CAPITAL” DA COSTA DOS DEUSES

  1. Ilza disse:

    O por do sol é uma obra prima feita por Deus, muito lindo, obrigada por enriquecer os nossos sonhos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s