Rafting em Pucón – por Maíra Nery

Esse foi o passeio mais legal que fizemos em Pucón! Opinião unânime no nosso pequeno grupo. A vontade era de voltar de novo no dia seguinte. Contratamos o rafting através da Summit, mas quem faz o passeio é a Politur, uma outra agência. Recomendo!

Rafting no rio Trancura

Rafting no rio Trancura

Saímos de Pucón por volta de 1:30 da tarde em direção ao rio Trancura, onde iríamos começar nossa aventura. No Trancura existem 2 níveis de rafting para quem não possui experiência: nível III e nível IV. Optamos pelo nível III porque nunca havíamos segurado um remo na vida mas, mesmo os  inexperientes corajosos, podem se aventurar no nível IV.

Rafting no rio Trancura

Rafting no rio Trancura

A Politur tem um centro de apoio próximo ao rio, com banheiro e um lugar para trocar roupa e é ali onde a preparação começa. Depois de devidamente equipados (a empresa fornece todo o equipamento necessário como macacão de neoprene, sapato apropriado, capacete, etc.), tivemos uma breve aula sobre como remar, o que fazer se cair do bote e algumas dicas importantes de segurança.

Aula sobre como sobreviver ao rafting :)

Aula sobre como sobreviver ao rafting 🙂

Ah! Um detalhe que considerei importante: vai um fotógrafo acompanhando o grupo em um caiaque. No final, quem tiver interesse pode comprar o CD com as fotos. Sai em torno de 80 reais por bote, o que fica 10 reais por pessoa, se todos do bote optarem pelo CD.

Rafting no rio Trancura

Rafting no rio Trancura

O bom do rafting é que, mesmo com a frente fria e chuva, ele pode ser feito. Não tem tempo ruim! Nesse dia, estava fazendo cerca de 14 graus, havia uma chuva fina e a água estava a uma temperatura de 12 graus. Achei que ia congelar mas a roupa de neoprene e a adrenalina não permitem que se sinta frio.

Rafting no rio Trancura

Rafting no rio Trancura

O passeio no rio dura cerca de 45 minutos que passam num piscar de olhos! Os instrutores são superbacanas e fazem com que o passeio seja bastante divertido. Em determinado momento, é possível pular no rio e descer a correnteza. A água é bem gelada mas achei uma delícia o mergulho. Próxima rafting vou arriscar o nível IV sem dúvida!

Fim do passeio! Todos inteiros! :)

Fim do passeio! Todos inteiros! 🙂

Anúncios

Sobre joaquimnery

Joaquim Nery Filho é geógrafo, agente de viagens e empresário do showbusiness. Apaixonado por viagens e fotografia.
Esse post foi publicado em Chile e marcado , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para Rafting em Pucón – por Maíra Nery

  1. Anônimo disse:

    Ótimo comentário da aventura!

  2. flaviabraga disse:

    gostei.. muito legal

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s