AS LAGUNAS ALTIPLÂNICAS NO DESERTO DO ATACAMA

29 de dezembro de 2015

Depois de visitar a Lagoa Chaxa no Deserto do Atacama, seguimos em direção às Lagunas Altiplânicas, a 110 km de San Pedro de Atacama. Um conjunto de lagos localizados entre as montanhas dos Andes, e que formam uma paisagem espetacular.

Uma das Lagunas Altiplânicas.

Uma das Lagunas Altiplânicas.

Os destaques ficam para as Lagunas Miscanti e Miñique localizadas a 4.000 metros de altitude. São formadas pela água que desce das montanhas que circundam o lugar. A paisagem é lindíssima, cercada por vários vulcões, que servem de moldura para as lagoas, de um azul intenso. A erupção do Vulcão Miñique há mais de 1 milhão de anos, represou essas águas e deu origem às lagoas.

O Vulcão e a Laguna Miñique

O Vulcão e a Laguna Miñique

Existem pequenas trilhas ao redor das lagunas. É necessário caminhar bem devagar pois o efeito da altitude já é sentido nessa região. O Mal da Altitude, Mal da Montanha ou “soroche” pode afetar qualquer um. Atletas ou não, têm as mesmas chances. Algumas pessoas sofrem mais que outras e por razões desconhecidas. Dor de cabeça, falta de ar, enjoou e mal estar em geral são os sintomas mais comuns. O correto é fazer as coisas bem devagar até que o seu organismo esteja adaptado. Em dois dias ele começa a se acostumar. Outra boa dica é tomar o chá de coca, algumas vezes ao dia. Não é alucinógeno e é terapêutico contra o Mal da Montanha.

As trilhas são demarcadas ao redor das lagunas.

As trilhas são demarcadas ao redor das lagunas.

Saímos das Lagunas Altiplanicas e começamos a voltar para San Pedro de Atacama. No caminho paramos na vila de Socaire, onde tivemos um almoço num restaurante simples na beira da estrada.

Casa típica do povoado de Socaire.

Casa típica do povoado de Socaire.

Socaire já foi uma cidade importante para os padrões do Atacama, em função das minas de ouro existentes na região. Hoje é um entreposto no meio do deserto, na beira da estrada, com 380 habitantes.

Socaire, no meio do Deserto do Atacama.

Socaire, no meio do Deserto do Atacama.

Seguimos pela estrada, de volta para San Pedro de Atacama. Fizemos uma breve parada para a foto imperdível na placa que sinaliza a passagem pelo Trópico de Capricórnio.

A localização exata do Trópico de Capricórnio.

A localização exata do Trópico de Capricórnio.

Chegamos a San Pedro de Atacama no meio da tarde e finalmente conseguimos nos dedicar um pouco a passear pelas ruas da cidade. San Pedro é uma cidade pequena, mas é o centro de todo o turismo no coração do Deserto do Atacama.

A praça principal de San Pedro de Atacama

A praça principal de San Pedro de Atacama

A cidade foi originalmente um centro de parada para os colonizadores, no meio do deserto. Hoje possui aproximadamente 2 mil habitantes e está localizada a 2.400 metros acima do nível do mar. A localidade fica em um oásis, no meio deste, que é o Deserto mais seco do Mundo.

Rua Caracoles. A principal rua de San Pedro de Atacama

Rua Caracoles. A principal rua de San Pedro de Atacama

San Pedro foi um dos principais centros de cultura pré-colombiana atacamenha. Cresceu a partir da charmosa igreja de San Pedro, construída em 1774, pelos jesuítas espanhóis que colonizaram a região, no início do século XVIII. Hoje é o principal centro de turismo do Atacama.

A charmosa igreja de San Pedro

A charmosa igreja de San Pedro

Quase tudo na cidade acontece ao redor da Rua Caracoles. Uma rua pequena e rústica, com muitos bares, restaurantes, agências de turismo e lojas de artesanato e lembranças para turistas.

Detalhe da Rua Caracoles.

Detalhe da Rua Caracoles.

A cidade é rústica e empoeirada e cheia de personagens “bicho-grilo”. A Rua Caracoles está no sentido Leste- Oeste, o que faz com que ela não tenha sombra em nenhum momento do dia. No verão o calor é insuportável em determinados momentos do dia. Outro fator negativo é a grande presença de cachorros de rua. São cães grandes e sem donos, o que deixa a cidade ainda mais suja e desconfortável.

Cachorros e poeira por toda parte na Caracoles.

Cachorros e poeira por toda parte na Caracoles.

Anúncios

Sobre joaquimnery

Joaquim Nery Filho é geógrafo, agente de viagens e empresário do showbusiness. Apaixonado por viagens e fotografia.
Esse post foi publicado em Chile e marcado , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s