O PUKARA DE QUITOR – A PRÉ-HISTÓRIA ATACAMENHA

31/12/2015

Todos os passeios que tínhamos contratado a partir de Salvador foram realizados até o dia 30 de dezembro. A partir daí tínhamos que fazer programações próprias. No dia 30 passamos numa agência recomendada a partir do Brasil e reservamos um passeio para o dia 31. Iríamos ao Salar de Tara, uma das atrações famosas da região. A Ayulli foi a agência contatada. No dia seguinte eles furaram conosco. Marcaram para nos pegar no hotel às 9h. Esperamos até as 11h, quando eles informaram que não seria possível realizar o tour, pois o motorista/guia havia perdido a chave do carro. Já tínhamos pago de véspera. Eles nos devolveram os valores pagos, mas perdemos a manhã.

Alugamos as bikes e saímos para pedalar.

Alugamos as bikes e saímos para pedalar.

Desistimos do Salar de Tara. Alugamos duas bikes e decidimos pedalar pelo Atacama. A altitude, as trilhas de barro, a poeira intensa dificultavam a pedalada, mas a sensação de liberdade compensou todo o esforço. Amamos a pedalada.

A trilha que seguimos no Atacama.

A trilha que seguimos no Atacama.

Seguimos por uma trilha mais próxima, de aproximadamente 8 km de ida e volta. Fomos até as ruínas arqueológicas da pré-história atacamenha de Pukara de Quitor.

A Fortaleza pré-colombiana de Pukara de Quitor.

A Fortaleza pré-colombiana de Pukara de Quitor.

A palavra pukara, de origem quéchua, quer dizer “fortaleza” e é isso que temos por lá. A fortaleza é do século XII e serviu como uma área de proteção dos povos atacamenhos dessa região, contra inimigos e invasores.

O Pukara de Quitor.

O Pukara de Quitor.

Hoje quando visitamos as ruínas, podemos ter uma ideia do que foi aquela fortaleza, há 700 anos, antes da invasão dos incas, que dominaram os povos atacamenhos antes da chegada dos espanhóis. Existem caminhos entre as ruínas que se pode subir, lembrando que em altitude, esse esforço é de tirar o fôlego.

As trilhas do Pukara de Quitor.

As trilhas do Pukara de Quitor.

O Pukara de Quitor está localizado em uma área estratégica, na encosta da montanha, de onde se tem belas vistas dos arredores.

A bela vista lá de cima mostra o oásis de San Pedro de Atacama.

A bela vista lá de cima mostra o oásis de San Pedro de Atacama.

Na entrada das ruínas existem hoje duas grandes cabeças esculpidas na rocha e que foram implantadas ali em homenagem às civilizações pré-colombianas do Atacama.

A cabeça esculpida na pedra em Pukara de Quitor.

A cabeça esculpida na pedra em Pukara de Quitor.

Um grande arco, também esculpido na rocha completa o sítio de Pukara de Quitor.

O Arco.

O Arco.

Como tínhamos perdido a manhã por conta da agência Ayulli, voltamos para o hotel, mas ficamos com as bicicletas para devolver no dia seguinte. Fomos descansar, pois à noite íamos para a festa de réveillon em San Pedro de Atacama. À noite fomos para uma ceia de Ano Novo no Restaurante El Blanco.

Os bonecos com fogos de artifício são uma das características do réveillon em San Pedro

Os bonecos com fogos de artifício são uma das características do réveillon em San Pedro

O El Blanco é dos mesmos donos do La Casona, que tínhamos ido na noite anterior e não gostamos. O El Blanco, porém é excelente. Tivemos uma bela ceia em família e mais tarde fomos à festa no La Casona que fica ao lado, e interligado ao El Blanco.

Encontramos com o grupo na Rua Caracoles.

Encontramos com o grupo na Rua Caracoles.

À meia-noite saímos do restaurante e fomos para a Rua Caracoles onde estavam a maioria das pessoas da cidade e dos turistas. Quase todas as festas aconteciam aí.

A festa acontece na Rua Caracoles.

A festa acontece na Rua Caracoles.

Uma das tradições do Reveillon é a queima de bonecos com fogos de artifício. Semelhante ao nosso judas do sábado de aleluia. Ficamos um pouco na festa e seguimos para o hotel. Já estávamos em 2016.

Assim começou 2016.

Assim começou 2016.

Anúncios

Sobre joaquimnery

Joaquim Nery Filho é geógrafo, agente de viagens e empresário do showbusiness. Apaixonado por viagens e fotografia.
Esse post foi publicado em Chile e marcado , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s