O FESTIVAL DAS CEREJEIRAS DE WASHINGTON

Dia 23/03/2016

Continuamos o City Tour por Washington DC e estávamos seguindo em direção à Casa Branca, quando o nosso guia (Jorge) chamou a atenção para o Hotel Willard, localizado nas proximidades da morada oficial do Presidente americano. Segundo o Jorge, foi por causa do Hotel Willard, que começou-se a usar a expressão “lobby”, para relacionamentos de influência política, pois políticos e empresários costumavam se reunir no lobby do Hotel Willard para tratar de negócios relacionados com o governo.

O Hotel Willard.

O Hotel Willard.

Chegamos à Praça Lafayette, ao lado da Casa Branca, a residência, local de trabalho oficial do Presidente americano e a sede do poder executivo do país. A Casa Branca é a principal atração turística da cidade. Foi construída entre 1792 e 1800, já com essa finalidade.

A Casa Branca.

A Casa Branca.

O edifício original foi incendiado pelos ingleses durante a Guerra de 1812. Logo depois voltou a ser reconstruída, e ao longo dos anos, alguns novos módulos e áreas de expansão foram acrescidos ao projeto inicial.

A Casa Branca sob outro ângulo.

A Casa Branca sob outro ângulo.

Quando estávamos em Washington aconteceu o atentado terrorista na Bélgica e isso reforçou os procedimentos de segurança nas imediações da Casa Branca, inclusive suspendendo as visitações públicas, apesar da ausência do Presidente Obama, que estava em visita a Cuba. Dava para ver o movimento continuo de policiais, dentro e fora da Casa.

Segurança reforçada na Casa Branca

Segurança reforçada na Casa Branca

Depois de tirar as fotos obrigatórias em frente aos jardins da Casa Branca, seguimos adiante em direção ao Parque das Cerejeiras. No caminho passamos pelo Monumento a Washington, um gigantesco Obelisco instalado na região denominada de The Mall, em homenagem George Washington, o primeiro Presidente americano e herói da luta pela independência do país.

Monumento a Washington, o Obelisco da cidade.

Monumento a Washington, o Obelisco da cidade.

Começou a ser construído em 1848, mas a obra foi interrompida e retomada em 1876. É possível ver uma diferença nas cores do mármore entre a primeira e segunda etapa da construção. Possui 36 mil pedaços de mármore e granito. É o monumento que mais identifica a cidade de Washington.

É possível ver a diferença de cores no Obelisco.

É possível ver a diferença de cores no Obelisco.

O Parque das Cerejeiras fica nos arredores do Tidal Basin, um lago artificial, feito com o represamento das águas do Rio Potomac.

O Parque das Cerejeiras.

O Parque das Cerejeiras.

Em 1912, centenas de cerejeiras foram doadas pelo governo japonês, com quem os Estados Unidos iniciava uma relação de parceria e amizade. As cerejeiras foram plantadas nos arredores do Tidal Basin, mas hoje em dia estão espalhadas por toda a cidade.

O Tidal Basin.

O Tidal Basin.

No início da primavera começa a floração das cerejeiras, que dura apenas duas semanas. Demos sorte, foi exatamente o período que chegamos a Washington e pudemos presenciar o espetáculo de cores desse fenômeno.

O espetáculo da floração das cerejeiras.

O espetáculo da floração das cerejeiras.

Estávamos no período da Semana Santa. Nesses dias acontece um longo feriado escolar nos Estados Unidos, denominado de “Spring Break”. A cidade estava lotada. Turistas americanos, excursões estudantis. Todos seguiam em direção ao Parque das Cerejeiras, que fica lotado nessa época do ano, quando acontece o Festival das Cerejeiras, com uma bela e colorida competição de pipas. Centenas delas enfeitam o céu do Parque das Cerejeiras.

O Parque das Cerejeiras estava lotado.

O Parque das Cerejeiras estava lotado.

Anúncios

Sobre joaquimnery

Joaquim Nery Filho é geógrafo, agente de viagens e empresário do showbusiness. Apaixonado por viagens e fotografia.
Esse post foi publicado em Estados Unidos da América e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para O FESTIVAL DAS CEREJEIRAS DE WASHINGTON

  1. Anônimo disse:

    Arrebatadoras capturações. Obrigada por as partilhar connosco.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s