O PALÁCIO DE VERÃO DE CATARINA, A GRANDE.

27.06.2016

À tarde saímos para visitar o Palácio de Verão de Catarina que fica na cidade de Pushkim, a 30 km, nos arredores de São Petersburgo. O Palácio foi construído na Granja Sarskaia, que foi doada a Catarina I, esposa de Pedro, o Grande, em 1710. A granja, mais tarde se transformou na Aldeia Real (Tsárskoe Celó). No centro da Aldeia Real aparece o Palácio de Catarina, uma joia que encantou a corte de São Petersburgo.

O maravilhoso Palácio de Catarina

O maravilhoso Palácio de Catarina

A partir de 1730, a Imperatriz Ana fez a expansão do Palácio de Catarina e transformou a sua arquitetura, dando ênfase aos detalhes rococós. O Palácio foi totalmente refeito e ganhou ainda mais glamour e beleza.

Detalhes da fachada do Palácio de Catarina.

Detalhes da fachada do Palácio de Catarina.

Isabel, a irmã de Pedro I, o Grande, reinou de 1741 a 1761 e foi quem revolucionou a Aldeia Real, transformando-a numa maravilha da arquitetura russa.

A escadaria de entrada do Palácio.

A escadaria de entrada do Palácio.

Isabel tinha fama de esnobe, mandou decorar a área interna e externa do Palácio, com mais de 100 quilos de ouro, que revestiam as esculturas e estátuas incorporadas ao prédio.

Esculturas revestidas em ouro faziam parte da decoração do Palácio.

Esculturas revestidas em ouro faziam parte da decoração do Palácio.

Em frente ao Palácio existe um belo jardim, inspirado nos palácios europeus, com lagos e pequenos pavilhões que são refletidos em espelhos d’água.

Detalhe dos jardins do Palácio.

Detalhe dos jardins do Palácio.

Apesar da origem do Palácio ter sido no reinado de Catarina I, ele está intimamente associado a Catarina II, a Grande. Catarina mandou suspender as reformas extravagantes da Imperatriz Isabel, mas avançou muito na decoração e mobiliário do Palácio, impondo um toque particular aos cômodos interiores.

O magnífico salão de festas do Palácio

O magnífico salão de festas do Palácio

Catarina reformou também os jardins do Palácio, onde fez erguer várias estruturas: pagodes, pontes e palacetes.

Vários palacetes compõem a área dos jardins.

Vários palacetes compõem a área dos jardins.

Os alemães sitiaram São Petersburgo por 900 dias. Não conseguiram entrar na cidade, mas ocuparam os palácios dos subúrbios, que foram transformados em Quarteis Generais dos nazistas.

As estruturas do Palácio funcionaram como quartel-general para os nazistas.

As estruturas do Palácio funcionaram como quartel general para os nazistas.

Após o cerco a Leningrado (São Petersburgo), quando as forças militares alemãs recuaram, destruíram intencionalmente a estrutura, deixando apenas a carcaça do palácio para trás. Felizmente, antes da Segunda Guerra Mundial, os russos tinham removido uma boa parte do seu acervo, o que foi fundamental para a reconstrução.

Boa parte do acervo do Palácio foi recuperada.

Boa parte do acervo do Palácio foi recuperada.

Muito trabalho ainda tem sido feito, com cooperações internacionais, para devolver o Palácio de Catarina à sua antiga glória.

Luxo e requinte no Palácio.

Luxo e requinte no Palácio.

O mais famoso cômodo do Palácio é o riquíssimo Salão de Âmbar, que foi totalmente destruído com a ocupação nazista da Segunda Guerra Mundial. Não é permitido fotografar o interior do Salão de Âmbar.

Não é permitido fotografar no Salão de Âmbar, então fique com uma pintura de Catarina, a Grande.

Não é permitido fotografar no Salão de Âmbar, então fique com uma pintura de Catarina, a Grande.

Na volta para Moscou, ainda tivemos a oportunidade de fazer uma foto na estátua de Pushkim no meio do jardim da cidade que homenageia, esse, que foi o maior dos poetas russos.

Pushkin, o maior de todos os poetas russos.

Pushkim, o maior de todos os poetas russos.

Chegamos ao hotel no início da noite e jantamos por aí, num bom restaurante italiano.

O Palácio de Catarina.

O Palácio de Catarina.

Anúncios

Sobre joaquimnery

Joaquim Nery Filho é geógrafo, agente de viagens e empresário do showbusiness. Apaixonado por viagens e fotografia.
Esse post foi publicado em Rússia e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s