A TRAVESSIA DE HELSINQUE PARA TALIN

30.06.2016

Quando fizemos o planejamento dessa viagem à Rússia e à Escandinávia, já tínhamos planejado ir a Talin, a capital da Estônia. A oportunidade que teríamos seria, abrir mão de um dia da estadia em Helsinque e seguir para Talin.

A cidade de Talin

A cidade de Talin

Saímos do Hotel Radisson Blu, em Helsinque e pegamos uma carona do ônibus da excursão até o porto, de onde seguimos para Talin. O grupo da Via Alegria que estava conosco, também iria para a Estônia num passeio opcional de um dia, mas nós decidimos dormir por lá e voltar no dia seguinte, pois estávamos em Helsinque, mas de olho em Talin. Foi tudo muito fácil.

Os Ferry-boats são excelentes

Os Ferry-boats são excelentes

Existem várias opções de Ferry Boats, para fazer o trajeto entre Helsinque e Talin, de ida e volta. Talin fica em frente à Helsinque, no Golfo da Finlândia, no Mar Báltico, a 2 horas, de ferry boat. Consultamos os horários previamente pela internet e optamos pela companhia Tallinnk, compramos os tickets diretamente no porto e sem nenhuma dificuldade. Decidimos também adquirir os tickets de volta para evitar transtornos e porque dessa forma teríamos um desconto maior.

A sala de embarque do porto de Helsinque.

A sala de embarque do porto de Helsinque.

É preciso chegar meia hora antes do embarque e levar o passaporte, pois a travessia é uma viagem internacional. A viagem é agradável, o ferry é de excelente qualidade, lembra um pequeno navio de cruzeiro, com cassinos, mercados e entretenimento à bordo.

O ferry parece um navio de cruzeiro.

O ferry parece um navio de cruzeiro.

Vimos uma situação curiosa à bordo. Devido ao alto índice de alcoolismo na Finlândia, o governo, tenta ao máximo, coibir o uso de bebida alcoólica. Proíbe a venda de bebidas destiladas em mercados e cobra altas taxas de impostos para esses produtos. O resultado disso é que muitos cidadãos de Helsinque pegam o ferry-boat apenas para comprar bebidas alcoólicas e levar de volta para casa. No ferry o produto é livre de impostos e também na Estônia, logo na saída do ferry, existem grandes depósitos de bebidas somente para atender aos finlandeses que vêm e voltam no mesmo dia.

Muitos cidadãos de Helsinque, fazem a travessia apenas para comprar bebidas alcoólicas.

Muitos cidadãos de Helsinque, fazem a travessia apenas para comprar bebidas alcoólicas.

Chegamos a Talin e fomos direto para o excelente Hotel Nordic, com uma localização excelente, a 2 km do porto e ao lado de um dos portões da cidade murada de Talin. Deixamos as malas no hotel e seguimos a pé para a cidade antiga.

Um dos portões de entrada da cidade histórica de Talin.

Um dos portões de entrada da cidade histórica de Talin.

Os Países Bálticos foram originados da dissidência separatista de três ex-repúblicas soviéticas, em 1991: Estônia, Letônia e Lituânia. Talin é a capital da Estônia, está localizada no norte do país, 80 km a sul de Helsinque, nas margens do Golfo da Finlândia, no Mar Báltico. A cidade possui aproximadamente 400 mil habitantes e isso representa um terço da população total do país.

Músicos de rua em Talin

Músicos de rua em Talin

A visita a Talin pode ser feita em um dia. Muitos turistas que estão em Helsinque fazem isso. Nós preferimos dormir por lá uma noite, para aproveitar melhor a cidade e pegar o fim de tarde sem a multidão de turistas que já teriam voltado para Helsinque.

Agradável fim de tarde na praça principal de Talin.

Agradável fim de tarde na praça principal de Talin.

A Estônia passou toda a sua história, sem autonomia. Pertenceu à Suécia, à Polônia, à Dinamarca e sobretudo à Rússia e à União Soviética. Cada um desses povos deixou a sua marca na cultura e na arquitetura da cidade. A cidade mistura estilos gótico e barroco, castelos medievais com mosteiros e catedrais ortodoxas, em plena harmonia.

Traje típico medieval em Talin.

Traje típico medieval em Talin.

Anúncios

Sobre joaquimnery

Joaquim Nery Filho é geógrafo, agente de viagens e empresário do showbusiness. Apaixonado por viagens e fotografia.
Esse post foi publicado em Estônia, Finlândia e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para A TRAVESSIA DE HELSINQUE PARA TALIN

  1. joaquimnery disse:

    Obrigado Adalberto,

    Que bom que vocês estão gostando e revivendo momentos mágicos.

    Nery

  2. Adalberto Pedroso disse:

    Recordar é viver e este relato dessa viagem a Talin nos fez recordar de tudo aquilo que vimos e presenciamos na nossa curta passagem por essa cidade. Estávamos a bordo do princess num cruzeiro pela Escandinávia.
    Obrigado e parabéns pela reportagem
    Fátima e Adalberto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s