A CIDADE VELHA DE PRAGA

06 de maio de 2017

Deixamos Budapeste para trás. Seguimos para o aeroporto para pegar um voo de aproximadamente uma hora até Praga, pela Checz Airlines, a companhia Tcheca de aviação. Chegamos em Praga e fomos direto para o Hotel Grand Majestic Plaza. Um bom e grande hotel, com localização excelente. A 200 metros do centro histórico da cidade.

O Hotel Grand Majestic Plaza

Praga é a capital da República Tcheca, país jovem, que surgiu em 1993, a partir do desmembramento da antiga Tchecoslováquia, que se transformou em dois países: República Tcheca e República da Eslováquia. Essa é a região da antiga Boêmia, no coração da Europa Central. A cidade possui hoje, pouco mais de um milhão de habitantes.

A Cidade de Praga

A localização estratégica, no centro da Europa, sempre fez de Praga uma cidade importante. Mercadores estrangeiros passavam e paravam por aí, desde os tempos da Idade Média. A atual Praça da Cidade Velha, era no passado, um grande mercado livre.

A Praça da Cidade Velha

A cidade prosperou muito na Idade Média, durante o reinado de Carlos IV, que foi Imperador do Sacro Império Romano. Nessa época, Praga se tornou uma cidade magnífica. Maior que Paris e Londres. Carlos foi um Imperador inteligente e culto. Criou a primeira universidade da Europa Central.

Praga

A cidade fez parte do Império Austro-húngaro. Do século XVII até o início do século XX, ficou em poder dos Habsburgos da Áustria. Durante a Segunda Guerra Mundial, foi invadida pelo exército alemão. Depois de libertada pelos soviéticos, viveu quatro décadas sob o regime comunista e a opressão soviética. Após a Revolução de Veludo de 1989, Praga passou a viver uma realidade democrática, e floresceu para o Mundo.

O centro histórico de Praga

O centro histórico de Praga está dividido em cinco partes: a Cidade Velha, o Bairro Judeu, a Cidade Nova, a Malá Strana e o Castelo de Praga. Esses cinco bairros se estendem em margens opostas do Rio Moldava, um dos mais importantes afluentes do Rio Elba, um dos maiores da Europa Central.

O Rio Moldava divide a cidade.

Começamos a circular por Praga, pela Cidade Velha, o coração do centro histórico. Cheio de ruas estreitas e tortuosas, com edifícios maravilhosos dos períodos medieval, renascentista e barroco.

O centro de Praga.

Antes de entrar na Cidade Velha, passamos pela Casa Municipal, o mais famoso prédio em estilo Art Nouveau de Praga. O edifício foi construído no início do século XX. Na bela fachada, possui um grande mosaico semicircular de Karel Spillar que faz uma Homenagem a Praga.

A Casa Municipal

O interior do prédio possui uma sala de concertos, restaurantes e bares. Possui uma decoração suntuosa com estuques e estátuas alegóricas.

O interior da Casa Municipal

Entramos na Cidade Velha pelo Portão da Pólvora, erguido no século XI quando era uma das 13 entradas da Cidade Velha. A torre atual é do século XV. O nome de Portão da Pólvora deve-se ao fato de ter sido o depósito de pólvora da cidade, no século XVII.

O Portão de Pólvora

Anúncios

Sobre joaquimnery

Joaquim Nery Filho é geógrafo, agente de viagens e empresário do showbusiness. Apaixonado por viagens e fotografia.
Esse post foi publicado em República Tcheca e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s