A MAGNÍFICA KASBAH AÏT BEN HADDOU, EM OUARZAZATE

10 de abril de 2018

Estávamos em Ouarzazate. Seguimos para o Vale do Ounila para conhecer a magnífica Kasbah Aït Ben Haddou do século VIII, uma das mais importantes do Marrocos.

A Kasbah Aït Ben Haddou

As Kasbahs são casas fortificadas de origem berbere e comuns nessa área ao norte do Saara, feitas de tijolos de adobe, estrumo e feno, que iam crescendo na proporção em que a população da família aumentava, como um conjunto de legos.

Kasbah Aït Ben Haddou

As Kasbahs serviam para abrigar e proteger a comunidade e os seus animais, do clima e de outras ameaças dessas regiões, como os ataques das tribos subsaarianas. Algumas foram se transformando em edifícios imponentes. Possuem uma arquitetura própria, com formato retangular e torres de vigilâncias nas extremidades. Um conjunto de várias Kasbahs formam um Ksar. Aït Ben Haddou é um impressionante Ksar.

A arquitetura das Kasbahs é única.

A Kasbah Aït Ben Haddou é considerada um Patrimônio Histórico da Humanidade pela UNESCO, já foi cenário para dezenas de filmes, dentre eles, Lawrence da Arábia, Gladiador e Game Of Thrones.

Detalhe da Kasbah Aït Ben Haddou

Na base dessa Kasbah foi implantado o coliseu cenográfico do filme Gladiador. No seu interior existe um labirinto de ruelas e becos com lojas de artesanato e lembranças do Marrocos.

Esse foi o cenário para o filme Coliseu

A arquitetura é impressionante e o local fica no alto de uma colina, na beira de um rio, o que possibilita um cenário todo especial.

A Kasbah Aït Bem Haddou

Músico berbere na Kasbah Aït Bem Haddou

Na cidade de Ouarzazate, a Kasbah mais impressionante é a Taourirt, uma das mais bem preservadas do país. Foi propriedade da família Glaoui, que controlava o comércio e acesso ao Médio Atlas. Apoiaram e foram protegidos pelos franceses no sul do Marrocos, durante a ocupação.

A Kasbah Taourirt em Ouarzazate.

Fica no centro da cidade e até 1956 era ocupada por um califa, suas quatro mulheres oficiais e outras dez concubinas, que foi nomeado pelos franceses como governante do sul do Marrocos durante a ocupação. Hoje funciona como museu e pode ser visitada. No seu interior, ornamentos berberes e uma arquitetura que permite compreender um pouco da vida dentro de uma Kasbah.

A Kasbah Taourirt em Ouarzazate.

Depois de visitar a Kasbah Aït Ben Haddou, começamos a voltar para Ouarzazate. Paramos no Atlas Film Corporation Studios, um dos estúdios de gravação que existem na periferia da cidade e podem ser visitados. Foi o primeiro de “Ouallywood”, criado em 1983. No estúdio existem cenários e objetos de filmes que foram gravados aí, como Joias do Nilo, Cruzadas e Kundun.

O Atlas Film Corporation Studios

No meio da nossa visita ao Atlas Studios, fomos surpreendidos por uma tempestade de areia. Tivemos que nos proteger. No final da tarde voltamos para o excelente Hotel Le Berbere Palace.

Cenário em “Ouallywood”

Anúncios

Sobre joaquimnery

Joaquim Nery Filho é geógrafo, agente de viagens e empresário do showbusiness. Apaixonado por viagens e fotografia.
Esse post foi publicado em Marrocos e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s