DEIXANDO PARIS PARA O FINAL

18 de abril de 2018

Estávamos chegando ao final de uma viagem fantástica para o Marrocos. Quando deixamos o Marrocos para trás, seguimos para Sevilha com o objetivo de conhecer a Feira de Abril e escolhemos Paris como última parada, para manter o prazer da viagem até o último instante. Paris sempre faz bem à alma.

O nosso hotel ficava bem próximo do Arco do Triunfo.

Ficamos hospedados no Hotel Princesse Caroline, bem pertinho do Arco do Triunfo, uma localização espetacular. O hotel fica num casarão antigo adaptado com esse objetivo, mas possui um bom serviço e a localização é imperdível.

A lua aumentou o clima de emoções na chegada a Paris.

Deixamos as malas no hotel e saímos para respirar o ar de Paris e da inigualável Avenida de Champs-Élysées. Seguimos até o Restaurante Casa Luca, um charmoso italiano que fica bem ao lado do Arco do Triunfo, com uma áurea jovem e serviço descolado. Após o jantar fomos caminhar pela Champs-Élysées e voltamos para o hotel. Paris ficou para o dia seguinte.

O Restaurante Casa Luca

A PLACE DES VOGES E A TOUR MONTPARNASSE

19 de abril de 2018

Depois de visitar o Museu D’Orsay, que descreverei nos próximos posts, fomos para o bairro de Marais, uma antiga área pantanosa. Marais significa pântano. O bairro alcançou o seu apogeu no século XVII quando concentrava grandes mansões. Hoje muitas delas foram restauradas dando origem a museus, boutiques chiques e lojas de antiguidades e galerias de arte.

A Place Des Voges

A Place Des Voges fica no centro de Marais e é um dos lugares mais especiais de Paris. Uma praça simétrica e um pouco escondida, totalmente cercada de prédios construídos em 1605, por Henrique IV. É considerada uma das praças mais belas do mundo. Trinta e seis casas, sendo nove de cada lado, que hoje concentram um grande conjunto de lojas e galerias de arte.

Os casarões ao redor da praça obedecem a uma simetria

No centro da praça um grande jardim. Estávamos em um dos primeiros finais de semana ensolarados da primavera parisiense e a praça estava cheia. Muitos dos parisienses, ansiosos pelo sol, ficam deitados na grama como se estivessem numa praia.

Os parisienses tomam banho de sol no gramado da Place Des Voges.

Na maior casa da Place Des Voges morou o poeta e romancista francês Victor Hugo, autor de “Os Miseráveis”. Hoje, na casa em que ele viveu existe o Museu Victor Hugo com objetos e mobiliário do próprio escritor. Visitamos o museu e seguimos adiante.

A Place Des Voges.

Pegamos o metrô e fomos até Montparnasse com o objetivo de subir na Tour Montparnasse, a segunda maior torre da Europa, com 210 metros de altura e 59 andares, para ver Paris lá do alto. No último andar existe um deck de observação incrível, de onde pode se ver todos os grandes monumentos da cidade.

Paris vista do alto da Tour Montparnasse.

À noite fomos jantar num restaurante charmoso e tipicamente parisiense, o Le Petit Bougnat. Lá não existem turistas, são poucas mesas e o menu é de cozinha francesa tradicional.

A Torre Eiffel vista do alto da Tour Montparnasse.

Anúncios

Sobre joaquimnery

Joaquim Nery Filho é geógrafo, agente de viagens e empresário do showbusiness. Apaixonado por viagens e fotografia.
Esse post foi publicado em França e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s