EDIMBURGO, A “ATENAS DO NORTE”

11 de setembro de 2018

O Castelo de Edimburgo fica num dos extremos da Cidade Velha, Old Town, no final da Royal Mile, num trecho denominado de Castle Hill. O castelo fica sobre um grande bloco rochoso, o que lhe dá uma proteção geográfica natural. Sempre foi uma fortaleza difícil de ser conquistada.

O Castelo de Edimburgo

No interior do Castelo existem uma série de construções que foram sendo acrescentadas ao longo do tempo, desde o século XII até o século XX. Algumas de caráter militar e outras civis e políticas, o que lhe confere a característica de ser fortaleza, palácio real, guarnição militar e prisão.

O interior do Castelo de Edimburgo.

A fortaleza original foi construída no século VI, pelo Rei Eduíno, que serviu de inspiração para o nome da cidade. Logo na entrada do Castelo chegamos a um mirante de onde se tem belas vistas da cidade de Edimburgo.

Belas vistas a partir do Castelo.

Num desses mirantes, aparece uma bateria de canhões e um deles se destaca, o Mons Meg construído na Bélgica em 1449. É um símbolo para a Escócia. Depois de ter atuado em várias ações militares, ficou na Torre de Londres até ser devolvido à Escócia em 1829 e colocado no Castelo de Edimburgo.

O gigante Mons Meg

A Capela de Santa Margarida, St Margaret’s Chapel, data do século XII e é a construção mais antiga do Castelo de Edimburgo.

A Capela de Santa Margarida

Num dos salões do castelo ficam expostas as joias da Coroa Escocesa, a coroa, a espada e o cetro. O Great Hall é um dos salões principais do castelo. O teto de madeira foi restaurado. Era aqui que aconteciam as reuniões do parlamento escocês até o século XVII.

O Great Hall

Saímos do Castelo e seguimos andando pela Royal Mile, onde muitos turistas circulam a todo momento. Artistas de rua e tocadores da gaita-de-fole escocesa aparecem em vários pontos da avenida. Os gaiteiros geralmente estão vestidos em trajes típicos da Escócia, onde destaca-se o kilt, as saias escocesas que os homens usam, com tecido xadrez que identifica os tartãs dos clãs das Terras Altas.

Gaita de fole

O uso do kilt é muito comum em ocasiões formais, jogos e eventos esportivos, serve como identidade nacional escocesa, mas pode ser encontrado também de forma casual, no dia a dia.

O uso do kilt em Edimburgo.

Decidimos pegar um ônibus de turismo do tipo Hop on Hop Off, aqueles que circulam pela cidade e nos quais podemos parar em qualquer ponto e retomar o circuito depois. É uma forma interessante de ter uma visão panorâmica do lugar e depois escolher os locais que queremos ver mais detalhadamente.

Tour panorâmico por Edimburgo

Fazemos uma parada na Calton Hill, uma colina localizada em uma das extremidades da Princes Street, na região da New Town e de onde se tem excelentes vistas da cidade.

A Calton Hill

No alto da Calton Hill existem vários edifícios históricos imponentes. Dentre eles destaca-se a acrópole inacabada que ajuda a denominar Edimburgo como a “Atenas do Norte”. O local é procurado por jovens que costumam ir até ali para observar o pôr do sol.

A acrópole inacabada

Outro destaque fica para o Nelson Monument e o observatório da cidade. Do alto da Calton Hill é possível avistar a Old Town e a New Town. É de lá que podemos comparar a arquitetura desses dois lados de Edimburgo.

O Nelson Monument

Uma das vistas de destaque do alto da Calton Hill é o Arthur’s Seat, uma montanha de origem vulcânica que fica no centro do Holyrood Park, um grande parque natural numa das extremidades da cidade onde a população local costuma fazer trilhas, caminhadas e piqueniques.

O Arthur’s Seat

Descemos da Calton Hill e seguimos andando pela Princes Street, o “coração” da New Town de Edimburgo. A Princess Street é a principal rua de compras da cidade. À noite jantamos no excelente restaurante Michael Neave’s Kitchen and Whisky Bar, um achado em Edimburgo.

A Princes Street

Anúncios

Sobre joaquimnery

Joaquim Nery Filho é geógrafo, agente de viagens e empresário do showbusiness. Apaixonado por viagens e fotografia.
Esse post foi publicado em Escócia, Reino Unido e marcado , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s