A ROTA ROMÂNTICA DA ALEMANHA

Em alguns circuitos turísticos, os caminhos acabam sendo mais importantes que os destinos. É o que acontece com a “Rota Romântica da Alemanha”, que liga as cidades de Würzburg a Füssen. São 380 km, na região da Baviera, passando por 27 cidades de contos de fadas, com paisagens e vilarejos que justificam o nome do roteiro. São vales, rios, lagos, montanhas, florestas, castelos, palácios, mosteiros e igrejas que testemunham a importância histórica da região.

Nos caminhos da Rota Romântica da Alemanha

Após ter sido intensamente bombardeada e destruída na Segunda Guerra Mundial, no final da década de 40, As cidades da Baviera se uniram e criaram um conteúdo turístico próprio que foi denominado de Rota Romântica. Isso ajudou na reconstrução das cidades e hoje é um dos principais destinos turísticos do país, recebendo cerca de 2 milhões de visitantes por ano.

Cidades charmosas na Rota Romântica

Para quem faz a rota no sentido norte sul, o início é em Würzburg. Tudo que se vê por lá veio da reconstrução do pós-guerra. O resultado é surpreendente pois conseguiu repor a sua áurea romântica. Cercada por grandes parreirais, Würzburg é conhecida pelos excelentes vinhos brancos que produz.

Rotemburgo Ob Der Tauber, a mais romântica de todas.

Rotemburgo Ob Der Tauber fica 65 km a sul de Würzburg. Uma grande muralha cerca toda a estrutura da cidade medieval. O acesso se dá a partir dos grandes portões que levam à parte interna. Cortada pelo Rio Tauber, é uma das mais lindas cidades medievais do mundo. Por suas ruelas existem dezenas de lojinhas com venda de artesanatos, brinquedos, objetos e lembranças diversas, além de produtos de decoração para o natal, uma característica da Baviera.

As lojinhas de Rotemburgo Ob Der Tauber são um charme.

Augsburg fica 180 km a sul e é a maior cidade da Rota Romântica, com 250 mil habitantes. Entre as duas aparecem outras igualmente charmosas, como: Donauworth que foi totalmente restaurada, Nordlingen que ainda preserva as muralhas dos séculos XIV e XV, Weikersheim com as suas ruas aconchegantes, Landsberg Am Lech, Cidade medieval, cuja origem data de 1.160, quando foi erguido o castelo ao lado do rio Lech.

Vaca leiteira na Rota Romântica

Na pequena cidadezinha de Schongau, os campos da Baviera e seu relevo ondulado fica ainda mais romântico com as fazendas de gado leiteiro da região. Ettal com a sua abadia beneditina gigante é impressionante e Garmisch-Partenkirchen é o balneário mais conhecido dos Alpes Bávaros. Conta com uma excelente infraestrutura para a prática de esportes de montanha.

A abadia beneditina de Ettal

A chegada a Füssen é a consagração de um roteiro maravilhoso por uma estrada panorâmica inesquecível. É a última cidade a sul da rota, a parada final da Rota Romântica.

Rota Romântica da Alemanha

Em Füssen, na aldeia de Schwangau, ficam dois dos mais importantes cartões postais da Alemanha: Os castelos de Hohenschwangau e o de Neuschwastein.

O Castelo de Hohenschwangau

Hohenschwangau foi construído na primeira metade do século XIX. Hoje é um museu que preserva o acervo da família.

Paisagem bucólica de Füssen

O Castelo de Neuschwastein fica na colina ao lado. É o mais importante cartão postal da Alemanha, recebe 1,3 milhões de visitantes por ano e inspirou Walt Disney na construção do Castelo da Cinderela um dos símbolos maiores da Disney World.

O Castelo de Neuschwastein

Dicas:

Como chegar:

Para quem quer fazer todo o percurso da Rota Romântica, o ideal é sair de Würzburg e fazer a rota no sentido norte-sul, ou de Füssen e seguir no sentido sul-norte. O principal aeroporto mais próximo de  Würzburg é o de Frankfurt, de Füssen, a opção deve ser pelo aeroporto de Munique. Existem vários voos do Brasil, de diferentes companhias que seguem direto para Frankfurt, além de opções com escala para Munique.

Munique

Não precisa de visto nem de certificado de vacinas para quem vai a Alemanha, mas o passaporte precisa ter validade mínima de seis meses da data de retorno da viagem. Na checagem da imigração, às vezes é necessário apresentar passagem de volta, comprovante de recursos financeiros e seguro de saúde.

Oktober Fest em Munique

Quando ir:

A Alemanha possui clima temperado continental, com verões quentes e invernos bastante frios, pode ser visitada em qualquer época do ano, mas é preciso estar preparado para o rigor do inverno se esta for a escolha. Dirigir no inverno pode ser mais complicado se ocorrerem grandes nevascas. Um atrativo desse período são os Mercados de Natal, que na Rota Romântica têm um charme especial.

Paisagem da Rota Romântica no outono.

Como circular:

Existem várias maneiras para percorrer o caminho, a melhor alternativa é alugando um carro, pois as estradas alemãs são excelentes e a paisagem convida a paradas inesperadas.

A Rota Romântica da Alemanha

Anúncios

Sobre joaquimnery

Joaquim Nery Filho é geógrafo, agente de viagens e empresário do showbusiness. Apaixonado por viagens e fotografia.
Esse post foi publicado em Alemanha e marcado , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

2 respostas para A ROTA ROMÂNTICA DA ALEMANHA

  1. joaquimnery disse:

    Olá Florentina,

    Esse roteiro também pode ser feito de trem ou de ônibus, ou ainda através de uma excursão turística.

    Um abraço.

  2. Florentina Delazzeri Cassol disse:

    Belo relato sonho em conhecer mas meu marido não tem coragem de dirigir no estrangeiro. Como fizemos viagens econômicas, e por conta, qual seria a outra opção, para passar em todas as cidades que o Sr relatou, sem pressa, com calma.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s